Investimento

Perfil de investidor: identifique o seu e tome decisões assertivas!

Tempo de leitura: 3 min

Antes de entrar no mercado financeiro, é essencial que você identifique o seu perfil de investidor. Afinal, isso fará toda a diferença no momento de realizar aplicações financeiras bem-sucedidas.

Ao reconhecer suas características, fica mais fácil compreender os riscos a que está disposto a assumir, planejar quais as melhores ações a serem praticadas, tomar decisões com segurança e, assim, reduzir as chances de fracassar e conquistar o resultado esperado.

Pensando nisso, elaboramos este texto para que você conheça os principais perfis de investidor e entenda em qual se enquadra. Acompanhe!

Quais são os tipos de perfil de investidor?

No momento de conhecer o perfil de investidor, são analisados não só o comportamento de assumir riscos, mas também a capacidade de assumi-los. Entre os principais perfis estão conservador, moderado, arrojado e agressivo. Conheça, a seguir, os principais pontos sobre cada um deles.

Conservador

O investidor conservador dá mais prioridade à segurança e à liquidez dos investimentos do que à alta rentabilidade. Geralmente prefere investimentos com retornos previsíveis e de renda fixa. Em algumas situações, podem ser inclusas pequenas parcelas de renda variável, compostas por ações ou câmbio.

Moderado

É o tipo de investidor que prefere a renda fixa, mas busca dar uma estimulada na carteira de aplicações. Normalmente, esse investidor deseja ter um retorno mais alto, sem correr riscos relevantes. Por esse motivo, participa também de fundos de ações ou multimercados.

Arrojado

Representa quem não tem empecilhos em correr riscos no curto e médio prazo e entende que o retorno está ligado ao risco assumido. Suas metas são de longo prazo, então a sua carteira pode se submeter a variáveis ao longo do período de acumulação. Ele tem consciência de que corre somente riscos calculados, que estejam em conformidade com suas projeções futuras.

Agressivo

É o perfil de investidor que procura ter o máximo de retorno possível, mesmo sabendo e os riscos assumidos. Em regra, decide por conta própria, muitas vezes pela emoção, e nem sempre segue normas ou padrões para investir.

Como usar o perfil investidor na prática?

Suas atitudes como investidor farão toda a diferença no êxito adquirido. Por esse motivo, é preciso seguir algumas dicas que vão ajudar nesse processo. Veja as principais:

  • faça um planejamento pessoal, com metas e objetivos que deseja alcançar;
  • invista de maneira consciente, alinhada aos seus propósitos e capacidade de correr riscos;
  • não arrisque aquilo que não quer perder, sua aplicação deve ser consciente, já que em algum mês você pode perder um pouco de dinheiro, mas que poderá ser recuperado nos outros;
  • não comprometa um valor que poderá fazer falta;
  • evite concentrar seus investimentos em uma mesma classe de risco;
  • analise e aproveite o melhor de cada mercado para construir uma carteira segura e rentável;
  • arrisque de forma inteligente, aproveitando todas as chances claras.

Conseguiu entender qual é a importância de compreender qual é o seu perfil de investidor? Dessa forma, fica mais fácil elaborar seu plano de aplicações e evitar decepções futuras com suas escolhas. O mercado disponibiliza muitas oportunidades de investimentos, mas nem todos são adequados para você!

Este conteúdo foi útil para você? Então, deixe seu comentário e divida conosco sua opinião sobre o tema!