Benefícios fiscais do PGBL
Aposentadoria

Descubra quais são os benefícios fiscais do PGBL

Tempo de leitura: 3 min

Não há garantias de que o governo federal poderá assegurar uma aposentadoria digna a todos os cidadãos futuramente. Em 2017, por exemplo, o rombo do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) chegou a R$268,79 bilhões e a situação pode piorar.

Porém, nem tudo está perdido. Se você souber se organizar de forma correta, não terá muito com o que se preocupar.

Uma solução que pode ajudá-lo são os planos de previdência privada. Pensando nisso, neste texto, vamos explicar a você os benefícios fiscais de um PGBL (que é uma das modalidades de previdência privada) e como esse plano pode auxiliar no seu planejamento de aposentadoria. Confira!

Dedução de impostos

O Plano Garantidor de Benefício Livre (PGBL) é um modelo de previdência vendidos por bancos e seguradoras. Qualquer pessoa pode adquiri-lo. Nele, o poupador que também contribui regularmente para o INSS tem o direito de abater ou restituir até 12% da renda tributável anual.

Se tiver, por exemplo, ganhos anuais de R$50 mil e aplicar R$6 mil (12% dos rendimentos) em um PGBL, paga-se imposto apenas sobre R$44 mil. Dessa forma, adia-se o pagamento do Imposto de Renda (IR) e fica mais fácil fazer o seu dinheiro render.

Por causa dos seus benefícios fiscais, o PGBL é a alternativa recomendada para quem faz a declaração de IR pelo modelo completo.

Adiamento do Imposto de Renda

Nos planos de previdência, o IR só é cobrado quando se faz o saque do dinheiro. Não há, por exemplo, a cobrança de tributos duas vezes por ano nos meses de maio e novembro, como acontece nos fundos de investimento de renda fixa e multimercado.

Os impostos diminuem com o tempo

Outra vantagem fiscal do plano é que caso você opte pela tributação regressiva, os impostos serão reduzidos com o passar dos anos,

Cada contribuição feita, quando completa o décimo aniversário, ela já chega ao tributo mínimo da tabela Regressiva que é de 10%.

Investimento de longo prazo

Considerando os benefícios fiscais citados, esse modelo de previdência beneficia investimentos em longo prazo. O fato do imposto ser cobrado apenas no resgate da reserva acumulada, favorece o efeito multiplicador dos juros compostos, que só aumenta com o passar dos anos.

Formação de reserva financeira

O PGBL é uma das maneiras de potencializar os esforços de poupar, facilitando na formação da sua reserva financeira. As vantagens do plano fazem com que o seu dinheiro tenha maior rendimento, especialmente em longo prazo.

Dessa forma, você poderá deixar de trabalhar mais cedo, viver com a renda gerada pelo plano e ter uma aposentadoria tranquila.

Para chegar nesse estágio, é muito importante que você comece a poupar o quanto antes. Organize as suas finanças, tenha o controle mensal de todos os gastos e veja quais deles podem ser cortados ou diminuídos. Quanto mais reduzir, maior será a quantia poupada com o passar do tempo.

Agora, essa mudança pode parecer apenas um pequeno passo, mas no futuro, verá que essa atitude fará a diferença nos seus planos.

O que achou dos benefícios fiscais desse plano de previdência? Eles serão úteis para você? Caso sim, deixe o seu comentário no post! Assim, você poderá tirar as suas principais dúvidas e compartilhar com a gente os seus planos para aproveitar a aposentadoria!